quinta-feira, julho 26, 2007

Eu sou menina

Tem um rato na minha casa. Estava lá eu no quintal, lavando roupa (momento Amélia) quando ouço um barulho estranho e mando minha cachorra ir olhar o corredor. De repente surge ela seguindo um rato enorme, cinza, nojento. Fiquei apavorada, subi em cima da máquina de lavar e gritei p/ o meu irmão vir correndo me socorrer e fechar a porta da cozinha, senão aquele ser ia entrar em casa e aí sim eu ia surtar de vez. Daí o meu querido irmão fecha a porta da cozinha, me deixa lá fora sozinha com o rato e fica gritando p/ eu matar o bicho com uma vassoura! Como assim?! Gente, porque é tão difícil entender que eu sou mulher, sou do sexo feminino e tenho de medo de rato! Eu sofro p/ matar uma barata imagina um rato! Eu queria muito, mas muito mesmo entender isso. Sim, eu sou menina, tenho medo de rato, barata, besouros grandes e que partam meu coração. Eu choro em filme, em novela, em seriado, às vezes choro só porque o vento mudou de direção. Eu gosto de bichinhos coloridos com frufrus e sininhos. Amo bolsas e sapatos. Tenho medo de ficar sozinha, e gosto de combinar coisas. Não estou 100% satisfeita com meu corpo e sempre acho que podia estar mais magra. Sou carente e me entupo de chocolate quando fico assim e depois me sinto culpada. Tenho TPM e cólica todo santo mês.
Porque é tão difícil entender isso?! Só porque sou brava, falo palavrão e tenho bem mais amigos homens? Não é assim! Eu não consigo matar um rato! Eu não consigo ser super-mulher 24 horas por dia! Já não basta trabalhar fora, estudar, pegar 50 milhões de ônibus por dia, cuidar da casa, tentar me manter o mais bonita possível dormindo 5 horas por noite, consolar um monte de gente, dar atenção p/ mais um monte, consertar as coisas quebradas, eu ainda vou ter que matar bichos nojentos?! Daqui a pouco eu compro uma casa e um vibrador e quando quiser ter um ficlho faço uma inseminação artificial, porque esses homens não me entendem e já que é p/ fazer tudo antes só do que mal acompanhada.

10 comentários:

Jornalismo Nu disse...

vc é menina... eu sei bem!
mas de acordo c/ essa descrição aí eu tb sou... hauahauhahuah!
=B

Nanah* disse...

nossaaa!! imagino a cena!!! hahahaha
sim! somos meninas!!
odeio ratos!
só nos desenhos!
bjus!

Amanda disse...

Chará!

Eu sou uma menininha, mas já matei um rato! Pois é, pois é, matei um rato sem muita cerimônia, encurralando o troço cinza entre a parede e o rodo que eu segurava. No entanto, tenho pavor de barata. Pavor mesmo. Choro, tenho crises de pânico (hahaha), faço escândalo e ligo pro meu namorado vir me salvar. Feio, né?!

Vambora montar nossa ong para cuidar dos animais! Já imagino até o nome: "Amandas por um mundo melhor". Ai, ai...

Vou te linkar, posso?

Beijo, Chará!

PS. Olha só que ironia, se um dia eu tiver uma filha, ela vai se chamar Beatriz!

Garota Enxaqueca disse...

Nossa... acho que o seu irmão realmente conseguiu te tirar do sério com a atitude de frangote dele... Mas eu tenho uma pergunta: Que fim levou o rato?

:o)

... e comigo?
Não aconteceu nada comigo não, guria... Só a minha plantinha que se suicidou! =(

Bjus...

Erika disse...

Ai... nem sei o que eu faria se tivesse que matar um rato... :o

E no final, o que houve com ele?

:***

lili disse...

hm, eu sei como é isso. sei mto bem.
(uma merda né?)

bjooooooooo

Mila disse...

Ai, me irrita porque todo mundo pensa que somos super mulheres em tempo integral. Ninguém merece.

' Jaya . disse...

Sou menina, mas felizmente não sou mulherzinha. Já dizia uma amiga minha. =D

Eu mato rato se aparecer (ainda não precisei) e mato barata. E também conserto coisas, fico sozinha em casa sem sentir medo, e troco lâmpada (morrendo de medo) e... Só não sei colocar o gás no fogão. hauhauhauhauhahua

Um beijo, Amandaaaaaaa!
:)

Se cuida.

P.S.: Meu irmão é um molenga também. Até parece que serve pra defender a gente. ¬¬

Bah disse...

Depois q eu falo q vc eh a Miranda do sex and the city vc me briga =P hahahahhaha
Deus me livre Rato eh foda.. quase joguei um tenis novinho meu pq um rato encostou nele e eu tive uma crise de choro e grito durante uns 15 minutos e quase acordei o condominio todo hahahhahahah
Boa sorte ;)
bju

Carlos Howes disse...

Pô, sacanagem do teu irmão.. O.o