sábado, junho 02, 2007

É a vida...


Eu queria me libertar. Me soltar das amarras que me prendem a você. Mas não consigo por mais que me esforce. Existe alguma forma de ligação entre nós que me impede de fazer isso. Algo que é mais forte do que eu, e parece que se eu tentar cortar essa corda imaginária, eu vou morrer ou sumir. Não literalmente, lógico, mas algo dentro de mim vai se perder de tal forma que nunca mais serei a mesma. E daí eu acabo não querendo me libertar na verdade. Eu acabo me acostumando com isso assim. Não tenho vontade de te esquecer nem de conhecer ninguém, só quero você por perto, mesmo à distância. E vou levando assim. Mesmo que me dê muita saudade, mesmo que eu chore muito ainda, mesmo que os amigos insistam que eu deva sair e conhecer pessoas novas, eu vou só levar a minha vida me distraindo, lembrando de você, te ligando p/ saber como você está e esperando um dia que tudo isso mude, de um jeito ou de outro. E torcendo para que mude logo, porque também cansa viver de incerteza.

3 comentários:

danilo disse...

há tantas dúvidas, mas a certeza é que esse desenho tá dez! =]

quem que faz?

divisa disse...

ôxi, vc tá mesmo numa situação difícil. mas o que posso dizer? acho que esquecer de algu´me e começar uma nova fase de vida, mudando a si mesma principalmente não é tão ruim, talvez lhe faça realmente bem...

a repeito do meu post, foi sonho e foi horrível. tenho sonhado com morte e isso não é bom sabe...

Carlos disse...

Esse estado de incerteza dói tanto. =~

Se cuida, moça.