sexta-feira, janeiro 25, 2008

Tédio

Só faz uma semana que eu estou de férias e já estou quase morrendo de tédio. Não tenho vontade de fazer nada, mas por fazer nada fico deprimida. Minha casa me sufoca, mas não tenho ânimo para sair sozinha por aí. Dirigir me deprime, ver televisão me deprime, levar o cachorro na rua me deprime, até ler já está ficando deprimente.
As únicas coisas que consigo fazer de boa vontade é comer e dormir. Quando estou dormindo naõ vejo nada, logo não sinto nada. E quando como só penso na comida, então não me preocupo com mais nada, mesmo porque gosto tanto de comer que acho que nunca vou achar isso deprimente.
Acho que sou aquelas pessoas que precisam trabalhar, fazendo hora extra, estudar com um monte de trabalhos para entregar e ter poucas horas de sono mesmo. Porque se fico ocupada não reparo na vida ao meu redor, nao paro para analisar porque as coisas são de um jeito e não de outro, não dá tempo de perceber que sou sozinha e que tenho uma tristeza que me acompanha para onde quer que eu vá, não fico arranjando defeitos terríveis em mim nem me sentindo inútil. Se paro com tudo assim de repente, percebo com mais nitidez as tristezas a minha volta e a única vontade que dá além de dormir é de cortar os pulsos ou tomar cinco caixas de remédios para dormir, porque o peso dessa vida mansa é muito para mim.
Prefiro o caos, a correria, o trânsito, as cobranças do chefe e dos professores. Pelo menos com isso vem junto um monte de pessoas queridas que me fazem rir mais do que qualquer coisa e que me ajudam, mesmo sem saber, a esquecer a minha pequena e medíocre existência.

22 comentários:

nandinho disse...

Agora você entende por que escrevo constamente no meu blog, várias vezes sem controle, compulsivamente sem parar?
Entao, justamente por causa desse tédio que não me deixa fazer nada além de pensar na vida e perceber o quanto tudo isso é deprimente.
E o que fazer? bem, nao sei... Eu queria simplesmente sumir, ou não existir, pois até o fato de existir tem me deixado deprimido.

- Bem, agora sei que você entende a minha língua, pois estamos no mesmo barco.


...

Quando entrei de férias uns dias atrás. Pensei que finalmente poderia descansar, pensei que eu iria sair, visitar museus, teatros e etcétera e tal... Mas as coisas nao foram por esse caminho.
Para começar, eu fui para o Rio ( um lugar desconhecido ) Passei meus piores dias lá, depois voltei para minas ( uma lugar conhecido ) mas que não tem nada que eu já nao tenha visto, entao fiquei na mesma sem mão e sem pé, apenas a pé!

Jair Eduardo de Oliveira. disse...

Ops, postei com o login do meu irmao, mas sou eu O JAIR EDUARDO DE OLIVEIRA.

Comentei como "Nandinho" sem querer, sem saber!

Natália disse...

Pois é! Do nada tirar a pilha assim, vc sente a diferença!
Mas, eu acho que vc poderia repensar nesses dias que vc ainda tem de férias. Qtas coisas vc pode fazer que não faria se estivesse na correria normal.
Gostei do template. Pensei que tu não ia mudar!
Bj!

Andréia disse...

olá!! tá precisando de um revira volta na vida? que maravilha eu tbm!! hehe te desejo tudo bom então!! muito caos e correria pra vc!! (no bom sentido..claro!)

beijos e parabens pelo Blog!

Bill Falcão disse...

Desculpe, Amanda! Você é uma de minhas blogueiras favoritas, nunca esqueço de vir aqui, quando demoro é porque o tal caos a que você se refere me pegou também, mas não posso concordar com suas palavras hoje. Não tem nada de pequeno e nem de medíocre em você! Como acontece com quase todos os blogueiros, não nos conhecemos pessoalmente, mas os blogs revelam muito da alma de seus autores. Não concordo com nada do que você falou, sinto muito!
Sei também que as grandes obras-primas surgiram de artistas atormentados, solitários e que, quase sempre, morreram cedo. Nós, que nos identificamos com esse mundo (o da arte), temos essa mesma tendência, de buscar o mistério, o perigo e o desconhecido. Por isso, fazemos parte de uma minoria que questiona tudo, porque sente tudo. E, no meio desse "tudo", estão as dores, incluindo o tédio, que seria a ausência de tudo. Não há volta, lamento informar. A não ser que você vire outra pessoa, esqueça a Amanda. E outra péssima notícia: o tempo não cura as feridas. Ainda hoje, eu olho para certas cicatrizes, de tempos em que você ainda não havia nascido, e me lembro de tudo, como se fosse hoje. A ferida apenas vira uma cicatriz. Mas continua ali. O que pode nos salvar é que a vida é rica demais. Temos que buscar outras coisas, além das dores. Mesmo que, nessa busca, encontremos outras dores. O importante, creio, é tentar.
Grande e solidário bjo!

Jair Eduardo de Oliveira. disse...

Adoro o nvo visual do blog, ficou hiper mega legal!
coisa de menina mesmo hehehe!

Li disse...

tô com vc e n abro mão. fora comer e dormir, só tenho gostado de fotografar... =P


heheh, tava esperando a data pra postar aquilo :)

bj

Kamilla Barcelos disse...

Estou como vc nessas férias, sem criatividade e animação p/ fazer algo diferente!!
Eu já cheguei a conclusão q eu nasci p/ ter aquelas rotinas de mtoooo trabalho e estudo; não consigo ficar a toa!! Vc acredita q nas férias eu to fazendo trabalho escolar p/ as pessoas q me pedem!! Isso sim é deprimente! Mas eu gosto de fazer pq eu estou aprendendo mtas coisas e ocupo o meu tempo.

Juliana Caribé disse...

Adorei o novo layout! Ficou muito bom mesmo...
Eu também prefiro o dia-a-dia agitado, e estou tão entediada quanto você. Mas daqui a pouco as férias acabam...

Beijos.

Johnnatan disse...

eu tb tô num marasmo...

Aninha disse...

eu estava assim qdo estava de férias. tinha dias q fikava no computador mas um um tedio. a unica coisa q fazia era dormir.
me arrependo tanto
ahauhauhauh
mas quem se acostuma com a correria, nunca se acostuma com outra coisa
Bjs
=D

Hélder, o míope disse...

Isso mesmo.
eu sinto isso também.
Férias, tipo, só com aventura. Nada de ficar em casa, se não, não presta. Só a fossa.

Então, vai dedicar seu tempo a algo não-deprimente.

Boas férias.

-
Visual legal! Gosto de mudanças!

x)
bejo

berinjelinha disse...

Sei exatamente como vc se sente, eu comecei minhas férias desse jeito então tomei uma decisão: não terei férias de verdade e agora eu estudo, leio, faço cursos e aprendo coisas novas durante minhas férias, tem hoars que eu estou super atarefada, to estudando e lendo e falando na net ao mesmo tempo, mas assim eu to bem e me sinto completa...é um sugestão...sugar....

Pra mim tem sido muito produtivo e to adorando^^
bjs

Scheidex disse...

é ruim mesmo não ter o que fazer...
Minhas férias ainda váo demorar pra acabar...
=(
nao sei mais o que inventar pra fazer...

Bernardo Lima disse...

Opa, blz?
vim retribuir sua visita lá no Reflexões.

Respondendo seu coment:

po, msm não curtindo acho que ia ser bom prak tb..
rsrs
é agitadão..

Sobre o teu post aqui:

típica menina de São Paulo...
mó correria e talz...
minhas férias não andam lá mt agitadas, mas as vzs vou em shows ou jogos do meu time...
dá pra enganar o tempo, ou ser enganado por ele, né?
rsrs

Aguardo novas visitas tuas lá no Reflexões!

Grande abraço!

manu disse...

eu acho que você tá precisando de umas dicas minhas de auto-curtição, isso sim! faça um novo corte de cabelo, pinte o cabelo, faça as próprias unhas, desmarque a manicure...depile-se, faça limpeza de pele, arrume o armário, pegue as roupas que não gosta, separe, coloque numa caixa e doe pra uma instituição carente...faça, uma lista de filmes que ainda não assistiu, vá na locadora mais próxima e assista todos comendo doritos. bem, são algumas dicas, né?

-

quando a gente se curte por vontade e não por obrigação é bem mais gostoso, então procure se curtir sem pressa ;)

manu disse...

ah, o novo layout ficou muito bom. adoro lilás e roxo. beijão.

alex e! disse...

...bom, eu sei que não sou lá a melhor pessoa pra dar qualquer conselho, coisa e tals, já que eu mesmo vivo às voltas com minhas próprias neuroses. O que sei, Amanda, é que sua existência não tem nada de pequena ou medíocre. Muito pelo contrário. Mesmo não nos conhecendo pessoalmente, simplesmente sei, pelo que demonstra de si mesma por aqui, que é uma pessoa super especial, talentosa e sensível, e que por isso sofre com as rusgas desse mundo - que é cruel mesmo, fazer o quê? Posso te dizer apenas que tente encontrar e aproveitar as pequenas coisas da vida, do cotidiano, aquelas coisinhas que parecem não ter o menor significado. Olhe bem pra elas, preste atenção; cê vai ver que existe mais beleza e felicidade nesse mundo do que a gente pensa. E não precisamos buscar A Felicidade ou A Realização sempre, talvez baste saber encontrar as pequenas preciosidades que há no nosso caminho. Também já ando meio enfastiado das minhas "férias". O ano começou tão ruim pra mim que nem tô tendo tanta oportunidade pra aproveitar o que seja. Mas tô tentando, e aos poucos. Faça isso, sei que se sentirá melhor em breve. Um beijo pra ti... (qualquer coisa apareça lá pelo mundo, tô ao teu dispor, viu)
PS: o teu gosto pros templates é incrivelmente fantástico. Nunca sei qual o meu preferido... Esse tá liiiiiindo de (vi)ver! Outro beijo...

*Lusinha* disse...

Ai, eu queria muito ficar de férias para ficar um pouco sem fazer nada. Queria mesmo!
Bjitos!

Jaya disse...

Tédio assim como esse teu, com um “T” bem grande, é realmente dose. A verdade é que a gente nunca se contenta com nada. Quando tá cheia de coisas pra fazer, reclama. Quando pausa para descansar, reclama. Velha história...

Manda, trata de ficar bem!

Um beijo enorme, junto com um abraço apertado.

:*

Renatinha Renault disse...

ei linda.
eu sei que a vida as vezes eh dificil
e queremos morrer ou entao parar com tudo e pedi pra descer do mundo... mas nao eh assim que as coisas funcionam!
A sua existencia não é medíocre...
primeiro, vc eh importante e muuuuito amada por Deus. Por isso que Ele te criou!
Depois, vc eh muito amada (tenho certeza) pela sua família e seus amigos... você pode nao se achar importante (o que eh uma pena), mtas muitas pessoas te acham fundamentais pra vida delas! Eu garanto!
Se tá achando a sua vida medíocre, corra atrás de uma melhora, ficar deitada na cama só comendo nao ajuda.
Viva, levanta... sacode a poeira e mereça a vida feliz que vc merece ter!
"Deixa a fumaça subir, deixa a poeira descer. E quando a chuva passar... o sol vai aparecer!"
Acredite nisso
acredite em vc e tudo vai melhorar.
Mas primeiro vc tem que querer!!
Bjo

Dominique disse...

Oi, Amanda, vim agradecer sua visita.

Quanto ao tédio, não liga, não. è assim mesmo. Estou quase no fim das minhas férias. Tinha programado um monte de coisas para fazer nelas. É bem verdade que Belo Horizonte é uma pasmaceira no verão. Chove todos os dias o dia todo. Mas percebi que mesmo não fazendo tudo logo, logo a correria vai recomeçar e ao menos minhas baterias estarão recarregadas para aguentar chefe, professor, montanhas de trabalhos para entregar. Enfim, não fica deprê. Descansa, come e dorme, sim, e bastante. E lembre-se sempre de que medíocre é o presidente dos Estados Unidos que por não ter o que fazer foi invadir um país do outro lado do mundo dele.:)
Voce é mais pacífica, não é?
Ah, e outra coisa. Adorei voce ter gostado do texto sobre a princesa Tiana. E não pense em mudar nas coisas boas que há em você, melhore apenas as ruins e relaxe. Sua vida está apenas no começo da jornada.

Um abração, moça!