quarta-feira, maio 21, 2008

...

Seis horas da manhã e a lua ainda brilhando no céu. Passos rápidos para pegar o ônibus vazio depois de enfrentar o trem cheio. O frio da manhã parece se enfiar por dentro da blusa e congelar meus ossos. Pessoas correndo de um lado para o outro, sempre com pressa, como se o tempo lhes cobrasse alguma coisa. A cabeça cheia e o coração vazio, um cheiro conhecido, perdido no tempo que me faz lembrar que desde sempre me sinto fora do mundo. Que nunca me senti parte de qualquer coisa que seja. Sempre deslocada, de qualquer ambiente em que esteja. A solidão se faz presente e o desejo de um abraço chega a doer. Pensamentos vão e vem, com uma velocidade tal que chega a me deixar zonza.
O ponto chega e desço do ônibus rezando por algo melhor no decorrer do dia...

26 comentários:

Bruno disse...

(ok, como se fosse fácil falar, mas vou falar) Hora de esvaziar mais a cabeça e encher mais o coração :)

Lilah disse...

eh engraçado como um banal dia normal,se transforma em um texto tão grandioso.

beijo

Jaya disse...

Manda,

O que tá acontecendo? Não o que tá acontecendo com você, comigo, mas o que tá acontecendo com o ar? O que será que a gente anda respirando ou deixando de respirar? Tá tudo tão errado ultimamente...

Essa melancolia toda no teu texto se encaixa em mim também. Ganha vez a história: "olha esse sorriso, tão indeciso. Tá se exibindo pra solidão..."

Não sei nem o que desejar. Só que o tempo corra um pouquinho mais depressa, amenizando tudo. Aliás, me assusta o quanto o tempo anda correndo ultimamente. Enfim.

Deixo pra você meu melhor abraço.
Pra te confortar.
E a mim também.

Beijocas.

P.S.: Espero que tudo dê certo no encerramento do semestre. Sucessos nas provas!

manu disse...

boa sorte na correria, querida. desculpe a sumida básica, mas a minha vida anda tão corrida e tão solitária quanto.

estamos acompanhadas de alguma forma. fazemos companhia um ao outro quando nos sentimos assim. beijo.

manu disse...

p.s: lindo o novo layout.

H. 0.9. disse...

Faço minhas as setentrionais palavras jayasísticas, nos desejos de abraços e sucesso.

O melhor da sua vida não é o roteiro. É aa protagonista. Pense nisso.


Te amoooooooooooooooooo!!!!!

Míope disse...

Isso é como sentir frio no calor, ou mais frio no frio.

...

Bejo.

Bill disse...

O quadro apresentado por você é desolador, Amanda, mas me lembrou uma frase que li certa vez, numa estrada, num caminhão:

"Quem cedo madruga, passa o resto do dia com sono."

Que seu esforço resulte bem na facul, OK? Pense nas férias que logo (+ ou -) chegarão e poderemos ser felizes outra vez!
Bjoooooooooooooossssssssssss!!!!

Enxaqueca disse...

Por vezes, me sinto assim tb...

Bjus, sumida!

A n i n h a a disse...

A solidão se faz presente e o desejo de um abraço chega a doer

tanta coincidência
que parece que vc andou espionando os meus pensamentos o.o
tem dias que a falta de um abraço dói mesmo, e dói muito.
Tanto que nos faz chorar.

como sempre tá lindo
vc escreve com o coração menina *-*
beiijos

Natália disse...

Tenho estado assim as vezes... A vida tá pesando um pouco.
Bjus

Camilinha disse...

eu posso me incluir nas perguntas da Jaya? pq eu ando sentindo o mesmo...


deve ser a água...


beijos daqui...

berinjelinha disse...

Li seus comentáriso, aposto que é o ar e a água, pq vcs não são mo mesmo estado que eu e sentem-se da mesma froma, então ou é moda, tipo tendência e a gente não sente ou ta no ar.....
Mas sem sacanagem, as vezes prefiro o coração vazio do que cheio de angustias como andava nos últimos tempos.
bjs

Robs disse...

Me sinto assim tb...a solidao tb se faz presente nos meus dias!
Fique bem!
Grande bjo!

Nalu disse...

uhhhhh,
a solidão é foda!
mas creio que seja um estado de espírito!

beijo moça!
com deus!

o antiambiente disse...

hh... isso passa se você não se deixar engolir pelo mundo.

Nalu disse...

ô bunita! desculpe!
ontem não consegui parar na frente do pc!

beijokasss!

Daniele V. disse...

Também é um costume meu descrever dias em lirismo...

Kamilla Barcelos disse...

Eu me sinto mtooo deslocado no mundo! O meu sonho é encontrar pessoas e locais em q fico a vontade!

Carol disse...

Ultimamente o ônibus está sendo meu divã. É o lugar que meus pensamentos não cansam de viajar pra longe...

Sinta-se abraçada com minhas palavras, viu?
É de longe, mas é de coração.
Beijos :*

Flá Costa * disse...

perco a conta de quantas vezes me senti peixinho fora da água.

meeeesmo.

beeeijo

Jana disse...

Às vezes tenho essa sensação deslocada tb...

beijo

Alice Reis disse...

oh Senhor!! eh uma onda avassaladora de solidaos, relacionamentos rompidos, saudades, anseios...

deusolivre!!!!!

bjs!!!!

Ygor P. disse...

Essa época do ano é o caralho de triste.

Boa sorte pra você também

Carlos Howes disse...

A incomoda sensação de ficar esperando desesperadamente algo melhor acontecer no decorrer do dia...

Maria Renata disse...

a terrível sensação pela espera da hora do pulo do gato no dia, nas nossas vidas, o ponto de virada que vai mudar o futuro pra sempre.
valeu por visitar o meu portifolio ;)
beijos!